Olá!

Seja bem vindo ao Geofácil.








Este blog foi desenvolvido para o trabalho da disciplina de Geografia e áreas afins com estudantes do Ensino Básico. Caso necessite de algum gabarito ou outras informações, o e-mail é sergiogta2007@hotmail.com

Que Deus abençoe poderosamente a sua vida



Seguidores

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Guarantã do Norte – Aspectos Físicos

Relevo: Pela classificação de Jurandir Sanches Ross, o relevo do município possui duas unidades, a Depressão Marginal Sul Amazônica e os Planaltos Residuais Sul Amazônicos, com destaque ao norte a Serra do Cachimbo.
A Depressão Sul-Amazônica – Está delimitada pelo Planalto e Chapada dos Parecis, ao sul, e pelo Planalto da Amazônia Oriental, ao norte. Portanto, essa depressão também faz parte da região Centro-Oeste.
Planaltos Residuais Sul-Amazônicos – São planaltos cristalinos que se estendem desde o sul do Pará até Rondônia.Têm o aspecto de uma vasta área plana com morros de topos arredondados, distribuídos pelo espaço de forma descontínua. Ao lado desses morros encontram-se áreas de coberturas sedimentares antigas, que apresentam topo plano e correspondem às chapadas, como a do Cachimbo. Nessa formação, localiza-se a serra dos Carajás, onde há grande ocorrência de minerais, como ferro, manganês, cobre e ouro.

A altitude média do município é de 260 metros.
Clima: Segundo a classificação climática de Straller, Guarantã do Norte esta na faixa de clima equatorial úmido, clima que ocorre ao longo da Linha do Equador em regiões de baixa latitudes da América do Sul, África e Ásia. Suas características são:
- Durante todo o ano é úmido, com alto índice de evaporação e altas temperaturas;
- A pluviosidade é alta (chuvas em grande quantidade), atingindo de 2.000 a 3.000 milímetros por ano;
- A umidade relativa do ar nas regiões de clima equatorial é elevada (média anual de 90%);
- A temperatura média anual nestas regiões fica em torno de 26°C. Ocorre pouca variação de temperatura (entre mínima e máxima) durante o ano.
No entanto a observação in loco, permite perceber a presença de duas estações bem definidas com verões chuvosos e invernos secos, com pouca variação de temperaturas mas com variações de umidades o que aproxima o clima das características do clima tropical típico, não tendo no entanto o fenômeno das friagens. Essas características permite considerar então que se trata de uma faixa de transição entre os climas tropical e equatorial.

A temperatura média anual é de 24º C.

A precipitação média anual é de 2750 mm, sendo que a maior intensidade é nos meses de janeiro, fevereiro e março.
Hidrografia: Guarantã do Norte está localizado na Bacia Hidrográfica do rio Amazonas tendo como principais rios de nosso município o Braço Norte, o Braço Sul e o rio Peixotinho.
Vegetação: A vegetação predominante no município é a Floresta Equatorial Amazonica, ou floresta latifoliada equatorial. Tendo como principal associação a chamada mata de terra firme.
mata de terra firme: apresenta-se em áreas não inundadas, é a que apresenta árvores mais altas. Nela são comuns a castanheira.
Em algumas áreas mais baixas proximas aos rios, sobretudo o Braço Norte é possivel encontra as matas de varzea.
mata de várzea: mais compacta, sofre inundações periódicas (cheias). Apresenta árvores maiores, sobressaindo as seringueiras, por seu valor econômico;
Em áreas mais elevadas do município em especial na região do Complexo da Serra do Cachimbo encontramos aspectos de vegetação de Cerrado com destaque para o ipe amarelo. Comprovando a característica da região de ser uma faixa de transição morfoclimática entre o domínio amazônico e do cerrado.
Referências:

http://www.mteseusmunicipios.com.br/
http://www.colegioweb.com.br/geografia/planaltos-antigos.html
http://www.suapesquisa.com/clima/clima_equatorial.htm
http://pt.wikipedia.org/wiki/Vegeta%C3%A7%C3%A3o_do_Brasil

Nenhum comentário:

Oriente Médio

Assista também aos vídeos: https://www.youtube.com/watch?v=Hn96hId_4B0 https://www.youtube.com/watch?v=vCxq0bduGgg